Descrição das Unidades Curriculares

Antropologia – Área de Especialização em Antropologia Aplicada

 1º semestre 

Teorias e Métodos em Antropologia

Docente: João Leal

Caminhos da teoria antropológica: onde estávamos e onde estamos. A antropologia contemporânea. Entre o local e global: uma antropologia situada. A multiplicação dos tópicos de análise: uma antropologia diversificada. Novos diálogos inter-disciplinares: uma antropologia aberta. Cultura, sociedade e política: uma antropologia crítica. Os futuros da teoria antropológica: entre a inovação e o retorno crítico aos clássicos. Dos desafios teóricos aos desafios metodológicos: novos objectos e novos terrenos. O método etnográfico hoje: desenho de pesquisa e trabalho de campo. Etnografia e teoria: o lugar da comparação.

Laboratório de Antropologia Aplicada (obrigatória)

Docente: Ana Isabel Afonso

A profissionalização da Antropologia em diferentes contextos nacionais. Antropologia Aplicada vs Antropologia Teórica. Domínios de aplicação e principais papéis do antropólogo aplicado. Panorâmica de algumas das temáticas contemporâneas de maior expansão (antropologia e educação, riqueza e pobreza, desenvolvimento, risco e catástrofes, business anthropology, antropologia médica, antropologia do ambiente, antropologia dos media); Antropologia e Políticas Públicas. Da concepção à implementação de políticas públicas; Avaliação de Necessidades (diferentes tipos de necessidades e procedimentos inerentes à planificação da pesquisa); Perspectivas Antropológicas aplicadas à análise de políticas públicas; Estudos de Caso – apresentação e discussão. Estudos de Impacto Social e Avaliação de Projectos. Etapas no planeamento de um estudo de impacto social; Avaliação de Projectos e abordagem antropológica – que desafios? Complementaridade dos métodos quantitativos e qualitativos na avaliação de projectos; Análise e Discussão de diferentes Estudos de Caso; Questões éticas na investigação aplicada. Relações com clientes, patrocinadores e comunidade; Importância do consentimento informado no trabalho de campo antropológico; Apresentação e discussão de casos reais baseados em dilemas de natureza ética evidenciados no decorrer de pesquisas  aplicadas.

 Antropologia e Organizações (opção condicionada)

Docente: Margarida Fernandes

 Pretende-se proceder à análise de vários tipos de organizações e a forma como se estruturam e intervêm nas mais diversas esferas da vida social. Entre os pontos abordados contam-se o papel da ideologia nas organizações; principais organizações transnacionals e seu papel na economia e na sociedade; participação de antropólogos e outros cientistas sociais em organizações.

 Escola e Comunidade (opcional condicionada)

Docente: José Resende

 Condição e ofício de professor e de aluno. Crise dos sistemas educativos e da profissão docente. Dinâmicas sociais na escola: das sub-culturas à sala de aula. Escola e recuo histórico das comunidades locais. Escola e famílias: do ideal de participação plena às dinâmicas reais de intervenção das famílias

Ordenamento do Território (opcional condicionada)

Docente: Margarida Pereira

Paradigmas do ordenamento do território. Objectivos, princípios, escalas de intervenção, Instrumentos.  Partilha de competências entre entidades públicas. Os actores privados. Ordenamento do Território em Portugal. Elementos estruturais do território: a rede urbana, as infra-estruturas, os equipamentos, as actividades económicas e as bacias de emprego e o espaço rural. Potencialidades e problemas. Formas de intervenção: as abordagens estratégicas, sectoriais e territoriais e contextos de intervenção (comunitário, nacional, regional, municipal, urbano). Ordenamento do território em áreas vulneráveis (territórios insulares, áreas de montanha e áreas naturais protegidas) e em áreas metropolitanas. Políticas urbanas. Implementação da política de ordenamento do território: dificuldades e desafios.

Políticas Ambientais (opção condicionada)

Docente: Henrique Nogueira Souto

Conceitos fundamentais sobre políticas do ambiente. A Organização das Nações Unidas. Conferências e Cimeiras sobre Ambiente e Desenvolvimento. A Cimeira do Rio. Declaração de Princípios e Agenda 21. Desenvolvimentos subsequentes. Protocolo de Quioto. Papel da OCDE e do Conselho da Europa a nível do Ambiente. Políticas ambientais da União Europeia. Políticas ambientais em Portugal. Trabalho de projecto.

 

 2º Semestre

 Antropologia do Desenvolvimento Local (obrigatória)

 Docente: Adolfo Yáñez Casal

Macro-teorias sobre a problemática do desenvolvimento-subdesenvolvimento. As correntes liberais e neo-liberais. As correntes historicistas e neo-marxistas. Os novos conceitos e paradigmas. A perspectiva antropológica do desenvolvimento. Pressupostos teóricos e metodológicos. Avaliação de estereótipos, teorias e representações antropológicas sobre o desenvolvimento. Virtualidades heurísticas de uma socio-antropologia do desenvolvimento-mudança social. O desenvolvimento como objecto de investigação antropológica. Actores e lógicas. Actores e estratégias. Instituições e constrangimentos. Investigadores e técnicos. Avaliação de projectos. Temas complementares. Ecologia e desenvolvimento. Género e desenvolvimento. Património e desenvolvimento. O papel das ONG’s no desenvolvimento. Valores locais e desenvolvimento. Estado e o desenvolvimento rural. Estudo de casos.

 Antropologia da Saúde (opção condicionada)

 Docente: Maria Quintela

 Perspectiva histórica e abordagens teóricas Etnomedicinas: pluralidade e diversidade. A relação saúde, cultura e sociedade Sistemas e práticas terapêuticas: diálogos e debates entre a biomedicina a as ‘medicinas alternativas’. Migrantes, religião e saúde. Doença, dor e sofrimento. Corpos ‘doentes’ e ‘saudáveis’. Estados de aflição e morte

 Antropologia do Ambiente (opção condicionada)

Docente: Amélia Frazão Moreira

Na disciplina são abordados conteúdos teóricos e estudos de caso, referentes aos seguintes temas: Antropologia e ambiente. Conceitos base e precursores. Saberes ecológicos, cosmologias e representações sociais do ambiente. Etnoecologia. Sistemas económicos, diferenciação social e gestão local dos recursos biológicos. Os estudos e os instrumentos metodológicos das Etnobiologias aplicados à conservação da natureza. A questão dos conhecimentos associados aos recursos genéticos. Bioprospecção, biopirataria e direitos de propriedade intelectual. A análise da cultura letrada ambientalista. Os discursos e as práticas ambientalistas como objecto da Antropologia. Planeamento, execução e avaliação de programas de preservação e conservação do ambiente, numa perspectiva antropológica.

Públicos da Cultura e Recursos Culturais (opção condicionada)

Docente: Rui Pereira

Economia e Políticas Culturais. Programação Cultural. Públicos da Cultura. Práticas da Arte Contemporânea. Tendências Contemporâneas das Artes Performativas. Cultura das Imagens Técnicas: Fotografia, Cinema e Imagens Digitais. Cultura Visual. Gestão Estratégica e Mercados. Gestão Orçamental e Financeira. Gestão de Recursos Humanos. Direito para as Organizações Culturais. Aplicações Informáticas para a Gestão Cultural. Captação de Recursos e Responsabilidade Social. Produção Cultural e Equipamentos. Marketing e Comunicação Cultural. Media e Organizações Culturais.

 


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: